Sistema de freios | Sintomas e cuidados | Blog KYB

Sistema de freios | Sintomas e cuidados

O sistema de freios é vital para o funcionamento seguro de um carro. Cuidar bem desse sistema é cuidar da sua própria segurança. Mas o que indicam os sinais que os freios passam ao motorista? A seguir você encontra sintomas e problemas que podem ser identificados no dia a dia do veículo, além de dicas de uso correto dos freios.

Ao longo do tempo, seus freios podem apresentar os seguintes sintomas e alterações:

Ruídos: são sintomas de desgaste das pastilhas, ou de pastilhas muito duras;

– O pedal “xoxo” também é sinal de desgaste das pastilhas;

Pedal de freio treme ao ser pressionado: disco de freio empenado ou amassado, transmitindo suas imperfeições para o sistema através das pastilhas até o pedal;

Pedal duro é sinal de problemas no servofreio. É ele que multiplica a força no sistema aplicada inicialmente pelo pedal. Um detalhe sobre o servo-freio é que ele funciona com o vácuo gerado no sistema pelo funcionamento do motor. É por isso que quando o carro está desligado, o pedal de freio fica duro.

Servofreio

Servofreio

– Um pedal de freio baixo pode ser sinal de falta de fluido ou problemas de ferrugem no cilindro mestre, causados por fluido vencido ou contaminado com água O problema pode estar também em outros componentes, como válvulas e borrachas que abrigam o fluido em seu interior.

A luz de freio acesa em seu painel indica falta de fluido. Não corra até o posto completar o nível. Saiba por que aqui. Essa luz indica que há vazamento ou está na hora de substituir as pastilhas.

Lembre-se:  em descidas muito longas, como em serras, recomenda-se descer engrenado, usando o freio-motor para auxiliar na redução de velocidade do carro. A maioria dos casos de empenamento dos discos acontece pelo uso excessivo dos freios, que leva ao seu superaquecimento e a consequente deformação.

A substituição do fluido deve ser feita a cada 10 mil quilômetros, assim como a verificação do sistema para a checagem da espessura da pastilha e funcionamento correto do sistema.

Fique atento aos sinais que seu carro passa a você. A atenção dada aos pequenos ruídos e indícios de anormalidade poupa seu carro de maiores problemas e seu bolso de maiores gastos.

 

Você também pode gostar...

2 Respostas

  1. José marciano disse:

    Bom dia.
    Sou promotor tecnico da Hipper freios e gostei muito do post, apenas gostaria de perguntar sobre a troca do fluido no post fala-se da troca do fluido a cada 20 mil quilômetros quando a recomendação do fabricante do fluido é. De 10 mil ou 1 ano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*